Falha no sistema de segurança do Banese expôs dados telefônicos de 395 mil chaves Pix

Após vazamentos de dados do Pix, Senacon investigará Banco do Estado de Sergipe

Após a confirmação do vazamento de 395 mil chaves Pix, o Banco do Estado do Sergipe será investigado pela Secretária Nacional do Consumidor (Senacon). A Senacon é um órgão ligado ao Ministério da Justiça que atua na execução da Política Nacional das Relações de Consumo, sendo responsável também por trabalhar em casos de defesa do consumidor que tenham repercussão nacional. O Banco Central também investigará o caso.

O Banco Central (BC) confirmou o vazamento de 395 mil chaves Pix que estavam sob responsabilidade do Banese. Segundo o BC, o fato ocorreu por “falhas pontuais em sistemas da instituição financeira” e os dados invadidos dos clientes não envolviam acesso ou permissão a movimentação de recursos ou acesso as contas. Somente dados telefônicos foram revelados. Apesar do número de chaves, a quantidade de clientes afetadas pode ser menor visto que é possível ter mais de uma chave Pix. Caso sejam 395 mil pessoas afetadas, isso seria o equivalente a quase 18% da população de Sergipe.

O Banese acredita que o vazamento dos dados aconteceu pela técnica de phishing, em que é utilizado a engenharia social somada com uma página falsa para inserção de dados. Um exemplo clássico são os SMS com links. A mensagem pode informar o cliente que ele teve um Pix agendado e ele deve confirmar ou recusar o agendamento em um link. Apesar do vazamento só ser confirmado ontem, uma fonte cliente do banco revelou ao Mundo Conectado que na última semana o Banese enviou diariamente SMS informando que não pedia dados por whatsapp, telefone e nem envia link nas mensagens de textos com os clientes. O Banco do Estado do Sergipe informou somente que duas contas fizeram os acessos indevidos no sistema do Banco Central, sem explicar por quanto tempo os dados foram acessados.

Reclamações de Clientes

Em maio uma pesquisa do Banco Central mostrou que o Banese era um dos bancos mais mal avaliados do país, estando em 28º em um ranking formado por um grupo de 38 instituições financeiras. 

Redacao InfoJudiciario

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Next Post

Você sabe como o novo perfil de advogado pode auxiliar seu negócio?

sáb out 2 , 2021
O advogado empresarial pode assessorar as empresas antes de o conflito envolver terceiros, de forma preventiva, evitando prejuízos financeiros Com bastante incentivo dos filmes e séries, é muito comum que os advogados sejam vistos pela sociedade em geral como pessoas combativas, com ânimo para discussões acaloradas e cheias de retóricas […]

Rolagem de notícias